Um sonho um objetivo

Aulas em vídeos, dicas de estudo

Artigo escrito por: Karine
Públicado em: 05 Jan 12

Nos últimos meses minha vida ficou um pouco agitada e corrida, pois agora além de ir para universidade a noite, eu passo o dia todo trabalhando.

Confesso que no inicio senti medo, pois achei que não daria conta de conciliar os estudos com horários do meu trabalho, e isso foi algo que muito me preocupou pois algo que vejo como prioridade e de suma importância em minha vida são os meus estudos.

No entanto no decorrer do ano tive uma grande surpresa minhas notas acabaram aumentando em relação a época em que eu apenas estudava, acredito que isso se explique pelo fato de eu entender que deveria aproveitar cada minuto para estudar, pois poderia ser que eu não tivesse outro momento para fazer isso.

Mas o que me ajudou de verdade foram as vídeo aulas que encontrei na internet, sinceramente eu não era muito a favor disso, pois já havia assistido este tipo de aula em uma sala de aula com outros alunos, porém quando você esta na sua casa em frente ao seu computador passa ser você e o professor e é praticamente impossível que você não preste atenção ou perca a concentração.

A partir de uma prova considerada difícil por muitos alunos onde eu estudei apenas por vídeo aulas e consegui alcançar uma nota realmente muito boa eu decidi que este é o grande caminho.

Claro que ler livros e estudar através deles é importante e se faz necessário, pois é muitas vezes através da leitura que você aprende novas palavras, e até mesmo melhora a sua escrita, todavia acredito que em um futuro não muito distante as aulas serão através de vídeos. Também não podemos sair de uma extremo para outro, devemos ficar no meio termo, pois a figura do professor e o seu convívio com os alunos também fazem parte do aprendizado e amadurecimento.

Mas não descarto a hipótese de se incentivar aulas através de vídeos com assuntos que sirvam para reforço, esclarecer duvidas, ou ainda fixar de maneira mais eficiente um determinado assunto.

Eu sou totalmente a favor deste tipo de ensino, e você qual a sua opinião?



Deixe seu comentario e participe

*